sexta-feira, 2 de setembro de 2011

Fugindo do (seu) caminho errado

Você não tem idéia do que está fazendo - é claro que tem, só não está feliz com isso - mas eles querem que você continue, ou melhor, é o que você acha que eles esperam de você, todavia, não é aquilo que você quer para a sua vida. Você sonha a vida inteira em conhecer e aproveitar a liberdade, porém você sabe que isso não passa de um mero desejo que está tão distante da realidade, assim como a estrada em que você caminha está distante da que você gostaria de estar caminhando. Difícil de aceitar, não?
E o que você deve fazer? Inútil seria abandonar essa velha estrada e correr para a nova, você nem sabe o que te espera lá! E se for uma armadilha? Mas você só saberá se for para lá. Ela deve ser perigosa, por isso chamá-lhe tanto a atenção... você gosta do perigo, gosta de aventuras, gosta de correr riscos. E o que temos a perder? A vida? Não, sinceramente acho que correr um risco não é perca de tempo - muito menos de vida. "Correr um risco" é fazer algo que você não sabe o que é, sem saber qual vai ser o resultado e as consequências disso tudo, mas você não está nem aí, você quer correr este risco custe o que custar.
Ai, ai... a vida é tão engraçada, não? Você pensa que está tudo indo à seu favor quando de repente percebe que o que parecia tão certo para você, agora é o seu maior pesadelo, porque você não quer mais continuar... mas eles te obrigam a seguir em frente e isso não é nada bom - você sabe que não é.
E cá nos encontramos novamente: sonhando em fugir para algum lugar onde os sonhos possam ser realizados e a felicidade anda de mãos dadas conosco, mas a vida é tão injusta! Nada disso existe de verdade... existe? Eu acho que não. Como somos egoístas em ansiar por algo que não está sob o nosso controle... está? Parece que não. Não temos o controle, somos controlados. Isso é tão injusto!
E você está lá, seguindo por um caminho do qual você quer distância e não há nada que você possa fazer, embora não seja o que você quer, é o que eles querem para você.
E tudo o que você tem a fazer é correr para e outra estrada, aquela em que você quer caminhar.
E agora, você vai correr este risco? 

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...