segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011

Realidade insana

Me lembro de quando te conheci, falamos sobre música. Estávamos em 2007 e a moda da época era ouvir RBD, o famoso e brega Rebelde! rs. Você só tinha 12 anos e eu ia completar 15 em menos de uma semana. Não te convidei para a minha festa de debutante, nós mal nos conhecíamos. Mal sabia eu que essa amizade duraria para sempre. E durou? Eu não sei responder essa pergunta.
Tudo o que sei é que nós não nos desgrudávamos uma da outra, exceto pelos recentes acontecimentos. Ficávamos cantando e dançando, lembra? Beyoncé, Britney Spears, The Pussycat Dolls, Nelly Furtado, Rihanna, Fergie... Enfim, nós passávamos as nossas férias e fins de semana com o rádio ou a TV ligados, cantando e montando coreografias de dança. Eu era boa em monta-las e você me elogiava, lembra? Hoje eu nem sei se você lembra dos nossos fins de semana juntas.
Nossas mães até brigavam conosco, passávamos o dia inteiro só conversando e ouvindo música, sem nunca nos separar. Combinávamos até de tomar banho ou almoçar ao mesmo tempo, só para passar mais tempo juntas. Eu adorava essa sensação de uma amizade verdadeira e duradoura. Começamos a namorar quase ao mesmo tempo e partimos o nosso coração quase ao mesmo tempo. Felizmente eu pude te consolar e te ajudar, você era minha irmã de coração. Quando eu precisei de ajuda para recompor meu coração, você foi a única que não me julgou, mas que me abraçou e enxugou as minhas lágrimas.  
Infelizmente, nossas vidas tomaram rumos diferentes a partir de 2009, eu comecei a trabalhar e você foi morar com o seu pai. A partir daí, só nos víamos aos fins de semana. Pouco a pouco, o tempo foi nos separando... Pessoas tentaram nos separar, outras confundiram-nos e hoje estão arrependidas. Mas deixaram cicatrizes em nossos próprios corações. Mas, como a nossa amizade vem acima de qualquer problema entre nós, somos amigas até hoje. E isso ninguém muda.
Já perdi a conta de quantas vezes me pego chorando por me lembrar de você... Estou tão preocupada com a sua saúde física e mental. Você está bem? Gostaria tanto de poder ouvir você bater na minha porta e dizer "Má, sai aí!". Outra vez, nostalgia. Por que os problemas apagam a nossa felicidade e o tempo não? Injusto. Isso machuca o coração.
Eu sonhei com você duas vezes, nos meus sonhos você estava bem e conversávamos e ríamos, como antes. Isso me deu vontade de chorar. Eu queria poder conversar com você sobre coisas banais, como a nova cor do cabelo da Ashley Tisdale, mas você não entende mais nada agora.
Isso dói tanto, mas é melhor eu sentir a dor do que você. Se você soubesse de tudo o que está acontecendo, você não aguentaria. Eu quero o seu bem. Eu quero te ver bem. Melhora logo!
Você era a minha melhor amiga. Ainda continuará a ser? Porque eu continuarei sempre com você, Fernanda.


Eu jurei amizade eterna e estou cumprindo a minha promessa.

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...