terça-feira, 8 de fevereiro de 2011

Continuar


Abro os meus olhos já é de manhã,
À noite é menor a cada dia.
Os dias às vezes parecem iguais,
A guerra é minha rotina...
Peço forças...
Pra continuar...
Peço forças...
Pra poder lutar...
Luto pra sobreviver,
Com os olhos voltados pro céu.
Espinhos me fazem sofrer,
Resisto na luta com a graça de quem já venceu.
Fecho os meus olhos a noite já cai,
Começo a tratar as minhas feridas.
Olho pros céus com os joelhos no chão,
Abro os braços pra graça divina.
Peço forças...
Pra continuar...
Peço forças...
Prá poder lutar...
Nada vai nos separar do teu grande amor,
Mesmo caminhando em dor, sou mais que vencedor...

(Oficina G3)

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...