quinta-feira, 26 de agosto de 2010

Tribos e suas modinhas







Quando eu fiquei sabendo que o pedágio de formatura da minha escola, na próxima sexta, seria Tribos, gelei. Na hora veio em minha mente: rockeira! Mas então me lembrei que eu não sou rockeira. Que tal patricinha? Mas digamos que eu não tenha um guarde-roupa repleto de roupas cor-de-rosa. Foi então que eu percebi o motivo de tanto estresse: eu não pertenço à uma tribo - e não me importo de não pertencer. 
Que coisa mais sem importância isso de ficar se "juntando" com quem é igual a você. Agora, só por que você anda de skate, só vai andar com skatista? Só por que você ouve Metallica, só vai andar com quem se veste de preto e curte rock and roll? Ou só por que você é apaixonada pelo Justin Bieber, agora não pode andar com a galera que prefere Luan Santana? Eu não tenho a certeza de que cada pessoa tenha que pertencer à uma tribo e se identificar por espécies, como as plantas e os animais: roqueiros, góticos, emos, regueiros, skatistas, nerds, CDF's, geeks, esportistas, bailarinas, piriguetes, patricinhas, baladeiros etc. Nós somos seres-humanos! Somos iguais, apesar das diferenças e características de cada um.
Não podemos simplesmente julgar o fulano de tal só porque ele pertence ao grupo dos nerds; ou proibir o deficiente mental de se sentar ao seu lado na escola. Ninguém é diferente de ninguém, portanto, não devemos julgar uma pessoa só por causa do seu "grupinho", muitas vezes, essa pessoa nem queria fazer parte desse grupo, ou não dá a mínima para ele; vai ver ela só quer estar no meio de gente como ela, da mesma "raça" ou "espécie". Bom, eu não vou repetir aqui o que eu já disse no post sobre as Diferenças (se você ainda não o leu, clique aqui). 
O que eu estou tentando dizer, é que se você não tem uma tribo definida (como eu), não precisa se preocupar, isso mostra que você não é influenciavel e tem opinião própria. Que tal fazer como eu: seja você mesmo(a)! ;) 

E você, qual a sua tribo?
Beijos, beijos!

P.S.: Só para constar, vou vestida de roqueira mesmo.

2 comentários:

Davi Jr. - Next Conqueror disse...

Que legal ^^

Gostei do artigo, muito bem denotado todos os gostos e necessidades do ser humano de se unir com seus semelhantes e tal.

Mas muito mais legal esse grande grupo ao qual você citou com magnificiência: seres humanos.

É o que nós somos e seja da tribo que você for uma coisa é certa: ser rotulado é deveras desagradável, principalmente se esse rótulo só serve para te julgar ou classificar.

Parabéns ^^v

Mayara Caparroz disse...

Davi, fiquei muito feliz com a sua presença aqui na TDN, obrigada! ^^

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...