sábado, 7 de agosto de 2010

Dia dos pais

Eu nem sei o que escrever...
Jamais pensei que eu fosse escrever algo sobre você algum dia, aliás, eu nem sei se você lerá isso algum dia; todavia, expressarei os meus sentimentos através destas palavras para que, assim, você as entenda.
Não é só porque eu escrevi um texto de dia das mães, que eu "precisei" escrever um sobre o dia dos pais. Estou escrevendo porque quero e sinto que isso é algo que tenho que fazer.
Te conheço há 18 anos, durante toda a minha vida, mas não sei se você me conhece tão bem quanto pensa. Sei que você ficou muito frustado por eu ter desistido de tornar-me advogada (como você) e ter escolhido ser jornalista, mas isso é o que eu quero para mim; é o que eu gosto. Sei também que todas as nossas brigas, pelo menos a maioria, são para o meu próprio bem, você se preocupa muito comigo e eu adoro essa sensação de preocupação, que vem atrelada com amor e carinho. Não importa o que as pessoas pensem ou falem de você, você é especial para mim.
Te desejo toda a felicidade deste mundo neste Dia dos Pais e que você continue sendo este pai preocupado e atencioso que você é. Só não exagere muito, ok? rs.
Eu realmente espero que você leia isso, apesar de saber que você nunca acessou o meu blog.
Vou ficando por aqui, preciso arrumar o meu quarto, logo você chega e eu não quero levar bronca, hehe.
Bem, é isso... Feliz Dia dos Pais!


E a todos que já exercem esta maravilhosa função, Feliz Dia dos Pais!


Beijos, beijos, meus queridos leitores.

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...